Abril 2019
  GMT -03:00
 






Notícia


Manutenção de URAT no Poupatempo Ambiental é solicitada via Câmara Municipal
9/4/2019 16:55 - Assessoria de Imprensa
Durante a última sessão ordinária realizada na Câmara Municipal de Botucatu, uma importante questão ambiental foi levantada pelo vereador Cula [PSC] que trouxe à tona uma questão relacionada a um serviço prestado pelo Poupatempo Ambiental e que está prestes a deixar de existir. O pedido foi aprovado pela unanimidade dos demais legisladores e recebeu o apoio para assinatura em conjunto.

O documento foi encaminhado ao secretário estadual de Meio Ambiente, Marcos Penido, onde constava o pedido para que o mesmo analise a possibilidade de envidar esforços e interceder junto ao Governo do Estado, com a finalidade de manter a Unidade Regional de Atendimento Técnico [URAT] em Botucatu ou que aqui seja criado um Núcleo Regional de Programas e Projetos [NRPP], no prédio do Poupatempo Ambiental. Cópia do documento ainda foi encaminhada a outras autoridades para conhecimento.

De acordo com o requerimento, no Poupatempo Ambiental de Botucatu funciona a Unidade Regional de Atendimento Técnico [URAT], subordinado ao Núcleo Regional de Programas e Projetos [NRPP] sediado em Sorocaba e subordinado à Secretaria Estadual de Meio Ambiente. A URAT atende a mais de 20 municípios da região em casos de conciliação de multas de crimes contra o Meio Ambiente [caça, pesca, desmatamento, incêndio, entre outros], proteção a APP - Área de Proteção Permanente [como preservação de nascentes e matas nativas], preservação da fauna e flora silvestre, atendimento aos criadores preservacionistas de aves, entre outros.

O vereador afirma que o governador João Doria anunciou a desativação de todos os URATs espalhados pelo interior paulista entre eles o de Botucatu. “A desativação do URAT de Botucatu, composto por dois atendentes e duas secretárias, irá prejudicar milhares de pessoas que, para realizar suas demandas na área de Meio Ambiente, terão que se deslocar até Sorocaba. Trata-se de um serviço de grande importância, sendo fundamental sua manutenção em nossa região, uma vez que Sorocaba está a uma distância considerável”, explica Cula.